sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Meditação do Dia SEXTA, 16 DE NOVEMBRO DE 2012


Meditação do Dia

SEXTA, 16 DE NOVEMBRO DE 2012




Não mais sozinhos 
"Aos poucos e com cuidado, saímos do isolamento e da solidão da adicção e entramos na corrente da vida." Texto Básico, p. 42 
Muitos de nós passaram muito do seu tempo de uso sozinhos, a evitar a todo o custo outras pessoas - especialmente aquelas que não estivessem a usar. Depois de anos de isolamento nem sempre é fácil tentarmos encontrar um lugar para nós numa irmandade agitada, por vezes em alvoroço. Podemos continuar a sentir-nos isolados, olhando só para as nossas diferenças, em vez de para as nossas semelhanças. Os sentimentos opressivos que muitas vezes aparecem no início de recuperação - sentimentos de medo, raiva, e desconfiança - também podem manter-nos isolados. Podemos sentir-nos estranhos, mas não podemos esquecer-nos de que essa sensação de estranheza é nossa, não de NA. Em Narcóticos Anónimos é-nos dada uma oportunidade muito especial para ter amigos. Estamos junto de pessoas que nos entendem como mais ninguém pode entender. Somos encorajados a partilhar com essas pessoas os nossos sentimentos, os nossos problemas, as nossas vitórias, e os nossos falhanços. Lentamente o reconhecimento e a identificação que encontramos em NA transpõem o abismo de solidão e de inadequação que sentimos nos nossos corações. Como já ouvimos dizer, o programa resulta, se nós deixarmos. 

Só por hoje: A amizade de outros membros da irmandade é uma dádiva que me mantém vivo. Vou tentar alcançar a amizade que é oferecida em NA e aceitá-la.

Nenhum comentário:

Postar um comentário